Comite / Carlos FERRARO

Carlos FERRARO
América Latina e Caribe
ArgentinaArgentina
Cadeira

Presidente do Comitê

Educomunicador

Biografia

Professor de Filosofia e Ciências da Educação. Universidad del Salvador - Faculdade CONSUDEC, Professor de Religião (Seminario San Pio X) Realiza estudos de cinema na Escola Superior de Belas Artes da Universidade de La Plata e, posteriormente, na mesma Universidade da Faculdade de Jornalismo, com formação em o Mestrado em Planejamento e Gerenciamento de Comunicação. Ele também é crítico de cinema (Instituto Humanistico Buenos Aires) e sua carreira profissional foi desenvolvida em todos os níveis de ensino do sistema de ensino formal como professor. Ele também trabalhou em gestão gerencial nos níveis terciário (ensino) e universitário.Em 1980, criou o Instituto COEDUC (Communicate Educating) para treinamento de professores em mídias sociais.No final dos anos 90, atuou como diretor da Equipe de Comunicação da Universidade da Universidade de San Martin (UNSAM) Produtora de vídeos educativos e publicações educomunicativas patrocinadas pelo Ministério da Educação e Cultura da Nação Argentina.Professora do Ensino de Artes Audiovisuais e Ciências Sociais da Universidade de San Martín para os graduados da ENERC (Escola Nacional de Experimentação de Cinema) dependente do INCAA (Instituto Nacional de Artes Audiovisuais) Publicações: "Cinema na Educação, Educação no Cinema" (Ed Coeduc 1990). "Plano de Sequência" 20 Filmes para reafirmar a democracia (coautor) 2004. Edições La Crujia; Editor do CINEFICHAS, publicação de aplicação didática e analítica do cinema no sistema de ensino formal (Patrocinado pelo Ministério Nacional de Educação e Cultura). É autor do Dossiê SIGNIS Argentina. Em 2016, foi eleito pela Assembléia Continental como Presidente da SIGNIS América Latina e Caribe. Em 2014-2018, foi membro do comitê para a criação do PROJETO DE ARTICULAÇÃO DA EDUCAÇÃO NO DESENVOLVIMENTO SOLIDARIEDADE DAS CRIANÇAS. ADOLESCÊNCIA VULNERÁVEL NA AMÉRICA LATINA E NO CARIBE. EDUCOM NETWORK Em 2001, tornou-se membro fundador da SIGNIS Argentina, instituição da qual foi presidente no período 2004-2007. Ele trabalha como júri de cinema em festivais nacionais e internacionais. Ele faz parte da equipe do Programa Cine Mundo Chico e é editor da Página WEB.